IMC

Vou postar aos poucos alguns índices de saúde e desempenho para que saibamos melhor como classificar nosso quadro de aptidão física e saúde. Muitos alunos aparecem com duvidas sobre o uso ou como se classificar nesses índices. Vamos começar pelo IMC.

O Índice de Massa Corporal (IMC) foi desenvolvido por estudos científicos que relaciona o peso e a estatura do indivíduo com seu estado nutricional. Este índice não considera a composição corporal (quantidade de massa muscular, massa gorda, nível de hidratação e outros), por esse motivo não é uma forma adequada de avaliação de atletas que normalmente tem uma grande quantidade de massa muscular.
É reconhecido como padrão internacional para avaliar o grau de obesidade.


A vantagem do uso do IMC é que seu cálculo é simples, rápido e não requer nenhum equipamento especial, porém, devido a sua simplicidade e por não levar em conta o porte da pessoa entre outros, não pode ser considerado um meio livre de erros.
Há alguns problemas em usar o IMC para determinar se uma pessoa está acima do peso. Por exemplo, pessoas musculosas podem ter um Índice de Massa Corporal alto e não serem gordas.
O IMC também não é aplicável para crianças, sendo que precisa de gráficos específicos.

O Índice de Massa Corporal, apesar de conter alguns pontos fracos, é um método fácil no qual qualquer um pode obter uma indicação, com um bom grau de acuidade, se está abaixo do peso normal, acima do peso ideal, ou obeso.




Calculadora IMC
Peso:

kgs:
Altura:

m

cm:


Sabendo seu IMC, veja na tabela abaixo a classificação:

IMC Classificação
abaixo de 20
Abaixo do Peso
20 a 25
Peso Ideal
25 a 30
Sobrepeso
30 a 35
Obesidade Moderada
35 a 40
Obesidade Severa
40 a 50
Obesidade Mórbida
acima de 50
Super Obesidade

ASBS = American Society for Bariatric Surgery

0 comentários: