Perder peso

Muitos emails pedindo o segredo da perda de peso. Alguns desesperados com a proximidade do verão, escrevem longos textos explicando seus dramas e solicitando gentilmente uma consulta virtual gratuita para melhoria dos treinos e da alimentação. Mas será que existe o tal segredo?

Não nego ajuda. Claro que vivo e sobrevivo do meu trabalho, que inclusive reinvisto parte do que ganho  em estudos e aperfeiçoamento de meus conhecimentos técnicos e práticos em mestrado, cursos e palestras que ministro e assisto de diversos profissionais das áreas que compõem os interesses do personal trainer. Contudo, pessoalmente duvido que exista o tal segredo. E advirto que você desconfie de quem alegar o contrário.

Obviamente que nenhum personal trainer conhece o segredo, nem mesmo o melhor nutricionista ou médico endócrino. Pois se soubéssemos não haveriam gordinhos andando pelas ruas de São Paulo ou Nova York. No entanto, se há gordinhos (sem problemas endócrinos) é porque há sedentarismo, há preguiça ou erro nutricional. Daí sim vem o segredo: saber o que comer e quando comer, a fim de perder mais calorias e não acumular gordura.

Comer várias vezes ao dia, mínimo de 6 refeições, ajuda a controlar a variação glicêmica (taxa de açúcar no sangue) e é a medida mais eficaz que conhecemos atualmente. Estando a glicemia controlada, a taxa de insulina no sangue fica estável e nisso há controle da saciedade no sistema nervoso central, reduzindo o apetite. Quando você fica muito tempo em jejum, há cascata de hormônios que trabalham para reduzir o gasto calórico e aumentar o acúmulo de energia (estoque de gordura).

Sabemos também que as fibras ajudam a diminuir a absorção de gordura pelo intestino. Além disso, ajudam a movimentação do bolo alimentar e a absorção de alguns nutrientes. Assim, é preferível comer os alimentos integrais, deixando de lado os refinados.

Outro segredinho, se é que podemos chamar essas dicas de segredos, trata do consumo dos lights ou diets. Um produto que você compra no mercado pode até ter redução de gordura em sua composição, no entanto pode haver mais açúcar para compensação. E mais açúcar eleva a taxa de glicemia, que eleva a insulina e aumenta a absorção de energia pelo organismo, que no fim das contas acumula mais gordura. Portanto, melhor ler a embalagem antes de escolher entre a versão diet ou tradicional.

Mais uma dica, mas que não é segredo pra ninguém, refere-se ao controle do consumo dos pastéis, chocolates, massas e bebidas alcoólicas. Esses produtos são calóricos e aumentam o açúcar no sangue, quando não as gorduras saturadas (vilãs do coração saudável), que aumentam o LDL (colesterol ruim). Nisso provocam perda de massa magra e aumento de massa gorda.

Por fim e puxando a sardinha para o meu lado, acrescento que junto de uma dieta equilibrada, há de haver a musculação. O treino de peso não apenas faz crescer a massa magra (músculos) e fortalece os ossos, como também faz perder calorias e gorduras. Sim! Não apenas a esteira ou bicicleta te ajudam a queimar os pneus, mas o levantamento de peso igualmente.

Concluo então que o segredo da perda de peso é a somatória dessas dicas acima com a inteligente  reeducação alimentar.

0 comentários: