Sauna emagrece?

Tenho recebido muitas perguntas sobre sauna. Há alunos e leitores interessados em saber se a sauna emagrece, se ajuda a secar a pele, se vale a pena perder alguns minutos dentro dela...

A sauna é um hábito antigo (ΙΙ antes de Cristo), de origem Finlandesa, usada tanto para fins sociais (onde amigos se encontravam), quanto sanitários (para a mulher ter filhos, lugar onde se tinha privacidade e até por causa do uso de toalhas quentes).

Consiste em um ambiente muito aquecido a fim de propiciar relaxamento e promover o convívio social entre os frequentadores do recinto. Dizem que ela diminui a eletricidade do corpo, relaxa os músculos e alivia as dores. Sob o calor, o corpo desintoxica fazendo a pele eliminar toxinas e sais. Será?

Há basicamente dois tipo de saunas: a “sauna a vapor” (sauna úmida ou banho turco) e a “sauna seca”, que utiliza pedras ou outro material que é aquecido, sem libertar vapor.  Em geral, a sauna a vapor seria melhor que a seca, por desidratar em menores proporções o corpo e a frequência semanal de duas a três vezes por semana é a mais indicada.

Há crença de que para a beleza a sauna ajudaria a limpar profundamente a pele, pois o calor dilata e abre os poros. Nesse momento os cremes e hidratantes poderiam ser mais facilmente penetrados, potencializando os seus efeitos. No entanto há dermatos que dizem que os óleos e hidratantes devem ser deixados do lado de fora para serem usados após a ducha fria, pois eles impediriam que a pele transpire livremente. 

Além disso, consideram que "a sauna não traz benefícios diretos para a pele, o corpo ou o cabelo", e ainda que "Sauna em excesso envelhece", explicando que a retenção de água para a pele é de extrema importância à manutenção da sua saúde, e portanto, o derrame de suor provocado pelo seu calor não fariam o bem que se espera.

O tempo indicado de se permanecer na sauna varia, mas o ideal é que não se ultrapasse 20 minutos e que se tome água durante a permanência.

De acordo com Dr. Mauricio Kurc, médico otorrinolaringologista dos Hospitais das Clínicas (HC)para quem sofre de sinusite o principal benefício é o umedecimento da mucosa nasal, com resultante fluidificação das secreções e uma possível melhora na drenagem (eliminação) das mesmas. Isso, aliás, ocorre em toda a via aérea, até traquéia, brônquios e alvéolos. Por outro lado alerta que “deve-se ter cuidado com o superaquecimento da mucosa e consequentemente irritação e inflamação, resultando num efeito contrário, ou seja, obstrução nasal”.

Mas respondendo a pergunta título deste post, a sauna não emagrece. Pode ate parecer que alguns quilos tenham evaporado com o suor dentro da sala quente, mas na verdade houve apenas a perda de líquidos, não de gordura. Assim que você se reidratar, conforme o recomendado, o peso voltará ao normal.

Além disso, ao sair da sauna é recomendada a DUCHA FRIA. Não gelada, pois durante a sauna há uma vasodilatação superficial que será interrompida pela ducha fria, ocasionando uma vasoconstricção, tirando o sangue da periferia e ativando a circulação. Com uma ducha quente o efeito vasodilatador se potencializa, causando queda acentuada na pressão arterial, com sensação de tontura ou desmaio. O ideal é uma ducha de 30 segundos a 2 minutos.

Por fim, cuidado as pessoas com problemas cardíacos e hipertensão, que devem antes consultar um médico. Isso porque a sauna, tanto a seca quanto a vapor, levam à vasodilatação (aumento do calibre das artérias e veias mais superficiais).

0 comentários: