Loja de Suplementos

Muita gente acredita que uma loja de suplementos seja a tenda dos milagres onde encontrarão o pó mágico que transformará gorduras em músculos ou barriga em tanquinho. Ledo engano.

Recebo muitos emails e dúvidas de leitores sobre o uso desse ou daquele suplemento. Do que poderiam tomar para potencializar o treino ou conseguir o corpo desejado para daqui dois dias, quando começa o carnaval... sejam eles iniciantes ou atletas avançados.

Apesar de estarem recheadas de produtos chamativos e coloridos, com embalagens ilustradas de corpos esculturais e promessas de sucesso, as lojas de suplementos são como qualquer outra loja: puro comércio. Elas vendem nutrientes e substancias isoladas, algumas são drogas ou produtos ilícitos, e como qualquer outro medicamento devem ser tomadas com indicação e acompanhamento de especialistas.

Muitos casos ilustram o perigo da auto medicação ou consumo indiscriminado de suplementos. Não quero alarmar, nem vilanizar essas substancias. Mesmo porque atletas profissionais conseguem sim ótimos resultados com uso de alguns suplementos e boa orientação.

Mas quero alertar que é preciso cuidado ao comprar e consumir os pós vendidos nessas lojas que, por vezes, estão ao lado ou até mesmo dentro da tua academia.

Tenho diversos alunos de personal training que são médicos do Hospital das Clínicas em SP. Não é raro eles me relatarem casos de pacientes internados ás pressas por abuso de suplementos que, a priori, se diziam inofensivos. Em especial dos pré-treinos e dos esteródes anabolizantes. E os casos são graves. Variando de embolias a acidentes vasculares cerebrais com sequelas irreversíveis.

Antes de consumir qualquer tipo de suplemento, consulte um médico especialista. Faça os exames clínicos que indicarão tua tolerancia ao medicamento / suplemento. Inclusive das proteínas isoladas ou vitaminas.

Aliás, como curiosidade saiba que pessoas com deficiências hepáticas ou renais, oriundas de alguma doença (cancer, hepatite, cálculo, etc) tem sérias restrições ao consumo de whey protein ou BCAA. Alem disso, a hipervitaminose (excesso de alguma vitamina no organismo, em especial das lipossolúveis) pode causar sérios danos ao fígado e outros órgãos do sistema digestório.

Confesso que quando entro numa loja de suplementos eu fico maravilhado com a evolução tecnológica desses produtos. Todos possuem embalagens brilhantes, com promessas de corpo incrível e mais energia ao treino, etc. Eu mesmo fico tentado a comprar diversos produtos para pré, durante e pós treino. Ainda mais conversando com os vendedores, que se mostram tão conhecedores e prestativos, me sinto completamente seguro em comprar e consumir muitos desses pós.

Mas meus alunos médicos insistem em me podar nessas compras e me puxar de volta a realidade... acredito que devo fazer o mesmo com você leitor. Portanto cuidado...

Antes de entrar numa loja de suplemento, saiba exatamente o que deseja comprar e porquê. Tenha a orientação médica e saiba dos prós e contras do uso desse suplemento que procura. Ao conversar com o vendedor, busque apenas informações de preços e marcas desse produto, e não algo similar ou produto "melhor" que esse que você busca. Lembre-se que ele é o vendedor, não o médico. E se fosse, ele não trabalharia como vendedor numa loja de suplementos. Portanto ele não está habilitado a te indicar o uso de nenhum outro produto que o teu médico não tenha feito.

Mesmo teu personal trainer ou o professor de tua academia não pode indicar um suplemento. Por mais inofensivo que pareça. Caso ele o faça, desconfie ou investigue a formação desse profissional. Ele esta habilitado para isso? Ou na dúvida, consulte um médico antes da compra do suplemento indicado.

Cuide do teu corpo e seja consciente do que você ingere. Se optar por usar qualquer suplemento, tenha conhecimento total dos efeitos e forma de uso. E mais do que tudo, nenhum suplemento sozinho te ajuda a conquistar o corpo dos sonhos. Um bom professor de educação física pode ser melhor do que qualquer pó mágico. Um treino adequado e bem executado é a chave do sucesso.


 

0 comentários: