Truques de Personal Trainer

Muita gente me pergunta quais são os truques do personal trainer que consegue transformar os corpos dos seus alunos enquanto que os demais na academia não conseguem os mesmos resultados. Eu só respondo que não se tratam de truques, mas sim de foco e desvio dos erros. Explico...

Vejo muitos alunos cometendo erros nas academias e jogando por água abaixo todo seu tempo e dinheiro. Isso porque o sucesso de um treinamento físico depende de conhecimento técnico, disciplina e determinação. Quanto aos desvios dos erros, eis os que considero fatais:

1. Alta sociabilidade

Concordo que a academia seja um local para encontro de amigos e azaração, onde conhecemos novas pessoas, novos amigos... Inclusive casamentos se iniciam. Ou terminam... Mas essa sociabilidade não pode ser o foco de suas visitas à musculação, a menos que esse seja teu objetivo.

Sendo a saúde, a estética ou rendimento físico um dos teus objetivos, deixe a sociabilidade para antes ou depois de você iniciar teu treino. Cuide para focar nos exercícios, na perfeita execução dos movimentos e no correto tempo de intervalo entre séries. A desatenção nessas variáveis devido a conversas e fofocas, derruba o resultado final.

2. Revezamento de aparelhos 

Embora pareça polêmico, acredito pouco nessa estratégia de treino. Se tua academia anda muito cheia e te obriga a revezar todos os aparelhos de tua serie, acho que ta na hora de buscar uma alternativa: ou trocar de horário, ou trocar de academia ou contratar um personal trainer. Senão, pouco resultado virá de teus esforços. 

Isso porque o tempo de intervalo entre as series é muito importante para o sucesso do treino. De nada adianta o professor planejar os exercícios e tempos, se você não os respeita. Mudar um ou outro exercício da ordem descrita não fará mal ao resultado final, a menos quando os primeiros exercícios servirem como aquecimento articular. Dai a ordem deve ser respeitada. Caso contrario, a fim de evitar o prolongado descanso e resfriamento, troque a ordem e continue o ritmo de treino planejado.

Evite ao máximo revezar aparelho com outra pessoa, pois o tempo que ele leva para executar a serie dele pode ser superior ao teu intervalo de descanso, prejudicando assim o teu rendimento. O discurso de ser gentil e revezar a máquina só é interessante para o dono da academia... Rs

3. Academia ou professor barato

Escolha uma academia barata se você tiver um bom personal trainer ou se estiver bastante estimulado a treinar sozinho. Caso contrario, o ambiente pouco convidativo e as maquinas com baixa manutenção logo te afastarão dali e te jogarão no primeiro happyhour que te convidarem.

E o pior, você terá pago a academia e não estará frequentando. Sem dizer do treino que afundou...

O mesmo se dá na qualidade técnica do professor de sala. Se você não sabe o que treinar, nem como executar corretamente os exercícios, precisará da ajuda de um bom profissional. Sob pena de nenhum resultado ou pior: lesões. 

4. Escolha dos exercícios 

É fundamental para o sucesso do treino ter um bom planejamento. Saber quais exercícios treinar para determinado objetivo é quase uma arte. E trata-se do objeto de estudo do bom profissional de educação física. 

São muitas variáveis em questão: Formular a melhor combinação de exercícios...  Saber qual movimento "pega" determinado músculo...  Planejar adequadamente uma planilha de treinos... Preparar os músculos auxiliares para a hipertrofia correta dos agonistas... Crescer o músculo certo para tornar o corpo mais harmônico e simétrico...

Se você se considera autodidata e autosuficiente, boa sorte. Do contrario, conte com a ajuda de um bom profissional. Assim como você faz quando procura um medico especialista, um advogado ou um torneiro mecânico.

5. Auto piedade

O velho ditado americano "No pain, no gain", se aplica aqui. É preciso se superar a cada treino, mesmo que seja de meia barra, um kg ou uma repetição a mais na série.  

Esse é o princípio da  progressão no treinamento físico, que diz que a sobrecarga deve aumentar de maneira gradual e sistemática, a fim de dar tempo para as adaptações fisiológicas e evitar lesões ou fadiga. Quando os músculos e sistema cardiovascular se acostumarem ao estímulo aplicado, ou seja, se adaptarem a sobrecarga estipulada, é hora de aumentá-la, aumentando o estímulo, gerando novas adaptações fisiológicas.  

Ficar sempre na mesma carga, na mesma série ou mesmos exercícios não te ajudará a ter uma boa evolução no treino. Isso apenas te manterá no patamar que já chegou. Não tenha dó e progrida com o teu treino. Se esforce cada dia mais.  

0 comentários: