Personal Training


É fácil arrumar desculpa para deixar a ginástica para depois. Ora o tempo está curto demais, ora a academia fica muito longe de casa. Para quem tem o costume de usar esse tipo de pretexto para não se engajar de verdade numa rotina de exercícios físicos, personal trainer não é um luxo. É uma necessidade. Além da orientação individualizada, o instrutor particular tem a (árdua) missão de evitar que o aluno sucumba à preguiça.

A prova de que Personal Training é bom...

Pesquisadores do Laboratório de Performance Humana da Ball State University, um importante centro de pesquisa sobre atividade física nos Estados Unidos, trouxe um dado revelador sobre a diferença que faz um personal trainer. Os alunos que tiveram seus treinos de musculação supervisionados por um instrutor particular ganharam, em média, 30% a mais de força na musculatura peitoral e nos tríceps, além de 25% a mais de força nas coxas, quando comparados aos malhadores solitários. Explica-se:

Sob o cuidado constante do preparador físico,
  diminuem drasticamente os riscos de o exercício ser
  mal executado – e movimentos bem-feitos
são garantia de bons resultados.

Outra pesquisa, realizada em São Paulo, mostra que o aluno que tem um personal trainer se exercita quatro vezes por semana, em média. Já aquele que não tem costuma ir à academia apenas uma vez por semana.


As vantagens de ter um personal trainer
Treino específico: Claramente o melhor benefício de se ter um personal, pois não há receitas de treino que sirvam a todos. Seu corpo é unico e merece cuidado e treino específico. O bom treinador tem bons conhecimentos sobre fisiologia, biomecânica e nutrição.
+ estímulo e motivação: Com a contratação de um personal trainer, fica mais difícil sucumbir à preguiça, além do que o personal controla o tempo de pausa que geralmente o aluno excede quando treina sozinho. Esse excesso de descanso acaba por prejudicar o ritmo de treino e estimula a dispersão e abandono.
Melhor técnica de movimento: Ainda que você tenha um professor atencioso na sala de musculação da melhor academia que possa se matricular, nem sempre ele estara ao seu lado nos dias que você estiver mais cansado ou perdido num movimento novo ou esquecido. Um personal do teu lado garante que em qualquer situação você tera melhor rendimento e qualidade biomecanica de execução.
Resultados + rápidos: O treino criterioso e orientado por um profissional qualificado promove melhor rendimento e rapidez no ganho de resultados.


Como escolher um personal trainer?

  (RECOMENDAÇÕES PUBLICADAS NA REVISTA VEJA)

Assegure-se de que ele tem formação universitária. Esse tipo de informação pode ser obtida nos conselhos regionais de educação física.
Procure saber onde o profissional se formou e se a Faculdade é reconhecida. Além disso, busque saber sobre as especializações e cursos posteriores.
Não confie apenas na aparência. Um corpo sarado não é sinônimo de competência profissional. Ele pode ser um mero diletante que resolveu ganhar dinheiro.
Busque referências. Procure saber quais as academias em que ele já trabalhou e alunos para quem presta ou prestou serviços